WhatsApp diz que linha de checagem de notícias não responderá todas mensagens

Proto, a nova linha de checagem de notícias criada em parceria com o WhatsApp na Índia, não será um canal de ajuda e nem todas as mensagens receberão resposta. A ferramenta está mais próxima de uma linha de pesquisa, feita para coletar dados. Um porta-voz do WhatsApp confirmou que o recurso não foi feito para atender a todos oa usuários que enviarem mensagens.

Quando foi anunciada pela primeira vez, o WhatsApp disse que as pessoas poderiam enviar notícias para que o Proto analisasse se era verdadeira ou falsa. Entretanto, em testes, o BuzzFeed News enviou dois links, três amostras de texto e três imagens, sem receber nenhuma resposta. A Reuters fez o mesmo e notou que a mensagem que enviou ainda aguardava aprovação duas horas depois. 

Agora, em seu FAQ, Proto diz explicitamente que não será capaz de verificar todos os rumores disponíveis e focará em informações “disponíveis e publicamente acessíveis”. A ferramenta também analisará notícias que possam ser jornalisticamente apuradas e checadas, podendo levar até 24 horas para verificar uma mensagem. No entando, ela explica que o tempo de resposta deve melhorar conforme aumenta sua base de dados. 

O WhatsApp disse em seu lançamento que o esforço da Proto “combinado com o WhatsApp e com organizações do setor ajudará a contribuir para a segurança das eleições, dando às pessoas meios para saber se a informação é verificada e dissuadir as pessoas de compartilharem rumores que não têm base na realidade”. A linha seria usada para aprender o máximo possível sobre desinformação e sobre o papel do app de mensagens no compartilhamento de fake news. 

 

Via: The Verge

Mostre mais
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios