Folga de 15% no orçamento é possível com pequenas atitudes

A ECONOMIA COMEÇA DENTRO DE CASA

Está cada vez mais difícil para os brasileiros conseguirem reservar dinheiro  para formar poupança ou aplicar em algum investimento rentável seja qual for o prazo.

A longa recessão econômica e o desemprego, heranças malditas,  tornam o dinheiro escasso.

Mas há formas de fazer economia no nosso dia a dia, dentro da nossa casa. E seguir a cartilha certa pode gerar uma sobra de até 15% no orçamento já no primeiro mês. 

Existem atitudes simples que podem gerar um bom resultado, a começar pela energia elétrica, que tem um peso significativo no orçamento familiar. Os chuveiros elétricos estão entre os vilões de consumo, assim como o ferro de passar roupa. Em relação ao banho, cada  minuto a menos, pode significar uma boa redução na conta mensal da família. Em relação ao ferro elétrico, o recomendável é que as roupas sejam passadas semanalmente, mantendo o aparelho aquecido durante todo o trabalho.

Muitas vezes, também usamos o microondas  por tempo superior ao necessário. o controle pode significar economia. E enquanto não estiver em uso, retire o aparelho da tomada. Ainda que só uma pequena parte do país tenha estações do ano bem definidas, quando estamos no outono ou primavera, estações de temperaturas agradáveis, podemos reduzir bastante a utilização do ar condicionado e dos ventiladores.

Outra medida recomendada é que a máquina de lavar roupa seja utilizada na sua capacidade máxima, evitando a sua utilização de forma ociosa. Muitas donas de casa ainda são sábias em reutilizar a água produto da lavagem das roupas, para limpar o quintal. Economia em dobro.

E lembre-se, evite deixar aparelhos eletro-eletrônicos em standby- em espera, ou simplesmente ligados na tomada. Outra maneira de se economizar é substituir lâmpadas comuns pelas de LED. Em relação à água, devemos ter cuidados para evitar o desperdício durante o banho, ao lavar a louça ou escovar os dentes. Lavar o carro com mangueira, nem pensar. A água potável é um bem importantíssimo. Tratar a água custa caro.

Os hábitos ecológicos de consumo costumam ajudar o bolso e o planeta. Com alguns cuidados, podemos ajudar a natureza e, quem sabe, conseguir formar uma poupança, tão importante para todos.

 

MSN

Mostre mais
Fechar