INTERNET INFLACIONADA: Prefeitura de Prata paga internet 286% mais cara que cidades vizinhas que contrataram mesma empresa

Todas as informações desta matéria, podem ser acessadas por qualquer cidadão nos site do Tribunal de Contas do Estado

De acordo com informações do SAGRES, sistema de prestação de contas eletrônica dos municípios junto ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE/PB), o prefeito do município da Prata, Antônio Costa Nóbrega Júnior, conhecido popularmente como Junior de Nôta, gastou nos últimos três anos, estratosféricos R$ 163.665,00 (Cento e Sessenta e Três Mil e Seiscentos e Sessenta e Cinco Reais) com Internet, tendo como beneficiária a empresa CaririWeb Provedores De Internet Ltda.

Na consulta do Sagres, para analisar os gastos das cidades vizinhas ao município de Prata, que também tinham vínculo com a empresa CaririWeb Provedores De Internet Ltda, e constatou-se, por exemplo, que a Prefeitura do Município de Camalaú no período de 2016 a 2018, mesmo período em que foi pesquisado os gastos da Prata, gastou com internet apenas R$ 42.394,00 ( Quarenta e Dois Mil Trezentos e Noventa e Quatro reais). A diferença entre os gastos com internet das duas cidades é de R$ 121.271,00 ( Cento e Vinte e Um Mil e Duzentos e Setenta e Um Reais). O comparativo entre as cidades, mostra que a atual gestão do Município da Prata gasta 286% a mais com internet.

Todas as informações desta matéria, podem ser acessadas por qualquer cidadão nos site do Tribunal de Contas do Estado (https://sagres.tce.pb.gov.br/).

Veja os prints com os gastos da Prefeitura Municipal da Prata com internet:

   

Mostre mais
Fechar