João Azevêdo autoriza obras, entrega benefícios e discute prioridades em Pombal

O governador João Azevêdo participou, na tarde do último sábado (11), na cidade de Pombal (13ª Região), de mais uma audiência pública regional do Orçamento Democrático Estadual (ODE) – Ciclo 2019. O evento ocorreu no ginásio da Escola Estadual Arruda Câmara. Na ocasião, o chefe do executivo assinou Ordem de Serviço, entregou equipamentos para a rede estadual de ensino, destinou créditos a microempreendedores, prestou contas das ações do governo na região e ouviu as reivindicações da população. Mais de duas mil pessoas participaram da audiência.

Educação (538 votos), Saúde (379) e Segurança Pública (242) foram as prioridades mais votadas pela população da 13ª região. As obras reivindicadas na audiência serão discutidas na próxima etapa do ciclo de atividade do OD Estadual – o Planejamento Democrático. 

João Azevêdo abriu a plenária com a assinatura da Ordem de Serviço para o início das obras de implantação da primeira etapa do sistema de esgotamento sanitário da cidade de São Domingos, no valor de R$ 2,4 milhões, beneficiando mais de 2 mil habitantes da região. “Vamos ter água e esgotamento sanitário na região porque sabemos que água é vida, e esta obra já está autorizada para começar”, afirmou o governador.

Na sequência, o chefe do executivo destinou equipamentos para a rede estadual de ensino com a entrega de laboratórios de ciências aplicadas, kits de robóticas e de energia solar, para a Escola Cidadã Integral Cícero Severino Lopes, de São Domingos.

Por meio do programa de microcrédito Enpreender Paraíba o gestor destinou R$ 422 mil, em contratos assinados, beneficiando 66 microempreendedores da região. A região de Pombal já recebeu mais de R$ 2 milhões em créditos do programa.

Para o Corpo de Bombeiros Militar da região, o governador fez a entrega de equipamentos de segurança – kit de resgate, no valor de R$ 55 mil.

João Azevêdo agradeceu ao povo de Pombal pela participação. “Agradeço ao povo de Pombal por ter acreditado no projeto que mudou e continua mudando a Paraíba, fazendo uma diferença importante na vida de tanta gente. Fizemos parcerias compartilhando a construção deste processo. Vivemos no Brasil uma situação política estranha, mas aqui o importante é ouvir a fala de cada um. Eu faço política de respeito com o povo. O interesse da população está acima de qualquer coisa”, disse o governador enfatizando que faz questão de apresentar os investimentos que estão sendo executados em toda a região.

Segundo informou João Azevêdo, para a educação estão previstos investimentos, em obras e aquisições, acima de R$ 250 milhões em todo o estado. Na região ele citou, por exemplo, investimento com a reforma da Escola Cidadã Integral Monsenhor Vicente de Freitas, de Pombal, com recursos de R$ 1, 2 milhão.

Na área da saúde, o chefe do executivo prestou contas do custeio do Hospital Regional de Pombal (R$ 14,8 milhões) e dos atendimentos por meio da “Rede Cuidar”, que acompanha 116 crianças cardiopatas.

João Azevêdo ainda prestou contas das obras de infraestrutura, com a pavimentação de ruas na região; esgotamento sanitário que somam quase R$ 3 milhões de investimentos; construção de unidades habitacionais; recursos hídricos – com mais de R$ 1,4 milhão de investimentos na construção de nove sistemas de abastecimento de água na região; entre outros.

A deputada estadual Pollyanna Dutra falou sobre a importância da participação popular no Orçamento Democrático. “Sei que este governo é solidário com o nosso Sertão. Quando as pessoas se reúnem para reivindicar seus direitos cresce um sentimento nobre de solidariedade. Não há outro caminho se não for o da solidariedade. Este é um governo que ensinou a amar as pessoas. A política não pode gerar mais sofrimento para o povo e Pombal que clamam por dias melhores”, pontuou a deputada.

O conselheiro Arlindo Farias, da região de Pombal, agradeceu pela oportunidade de dialogar com o Governo. “Há algo muito importante nesta plenária. Momento histórico da democracia representativa na Paraíba. Somos o 5º Estado mais populoso do Nordeste e temos muitos desafios. O Orçamento Democrático surge como instrumento para levar dignidade e promover políticas públicas neste processo. Um bom exemplo é o nosso hospital regional que salva vidas e promove dignidade. Nós queremos empoderamento. O Sertão precisa de políticas públicas articuladas. O OD Estadual é importante para mediar à vontade popular com a política publica. Estamos aqui para somar com o debate porque segue o trabalho. Acreditamos que a participação continuará moldando os caminhos da Paraíba”, disse o conselheiro. 

A audiência em Pombal contou ainda com a participação da vice-governadora Lígia Feliciano, do deputado federal Damião Feliciano, além do deputado estadual Dr. Érico, prefeitos e vereadores.

 

 

 

Mostre mais
Fechar