Contador preso em operação em Santa Rita acumula irregularmente cargo de R$ 11 mil

O contador da Câmara Municipal de Santa Rita, Fábio Cosme de Franca Santos, uma das 11 pessoas presas nesta terça-feira (5), também acumula irregularmente o cargo de oficial de justiça no Tribunal de Justiça da Paraíba. Uma consulta no sistema Sagres, do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) revela que o contador da Câmara de Santa Rita também é servidor do Estado e ganha mais de R$ 11 mil por mês somente pelo TJ.

Segundo consta nas informações do Sagres, Fábio Cosme recebe um salário de R$ 11.542,18 como oficial de Justiça, valor que acumula com os R$ 8 mil que recebe como contador da Câmara Municipal de Santa Rita.

Da redação

Mostre mais
Fechar