Após passarem a noite presos, vereadores de Santa Rita têm audiência de custódia nesta quarta

A audiência de custódia dos onze vereadores de Santa Rita e um servidor da Câmara Municipal, acusados de forjarem cursos fora do Estado para se aproveitar de diárias e fazer turismo, deve ser realizada nesta quarta-feira (6). Os suspeitos fizeram exame de corpo de delito ontem mesmo e foram encaminhados para a carceragem da Central de Polícia, no bairro do Geisel.

A ação deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), denominada ‘Operação Natal Luz,’ prendeu os parlamentares após retornarem de uma viagem turística Gramado, no Rio Grande do Sul, com dinheiro público.

Foram presos os seguintes suspeitos:

Anésio Miranda – presidente da Câmara Municipal (PSB);
Brunno Filho de Cicinha (PR);
Cícero Medeiros (PRB);
Sérgio Confecções (PSDB);
Rosa do Vaqueiro (PC do B);
João Grande (PRTB);
Francisco Queiroga (PTN);
Marcos Farias (PC do B);
Galego do Boa Vista (PSL);
Diocélio de Várzea Nova (PSL);
Ivonete Barros (PSD); e
O servidor Fábio Cosme de França.

Mostre mais
Fechar