Vereadores de Santa Rita são soltos e devem responder processo em liberdade

Os 11 vereadores de Santa Rita, presos em flagrante na última terça-feira (5) após forjarem curso em Gramado para fazer turismo, foram soltos e irão responder o processo em liberdade. A decisão foi da juíza Maria dos Remédios durante audiência de custódia realizada na noite desta quarta-feira (6). Lembrando que a juíza recebeu um título de cidadania santarritense, propositura de um dos réus, o presidente da Câmara, Anésio Miranda, réu principal desta audiência em andamento.

O PSL de Santa Rita suspendeu os vereadores Carlos Antônio da Silva (Galego do Boa Vista) e Diocélio Ribeiro de Sousa após a prisão deles na última terça-feira (5). De acordo com a legenda, os dois podem ser expulsos nos próximos dias, caso a votação na Comissão de Ética seja favorável a essa medida.

Mostre mais
Fechar