Ex integrante do grupo Rouge revela que teve que pedir auxílio de R$600: ‘Minha vida virou do avesso’

Karin Hils, ex-integrante do extinto grupo Rouge, usou o Twitter na última segunda-feira (27) para fazer um desabafo sobre sua situação financeira. Durante o relato, a cantora de 41 anos, que lamentou pertenecer a classe artística nesse períoso de crise, contou que precisou solicitar o auxílio emergencial de R$600 – pago pelo governo durante a pandemia do novo coronavírus.

“Para muita gente pode parecer que o jogo tá ganho, mas não está. É lamentável o que estamos todos juntos passando nesse país.Eu me incluo, como artista, mulher e preta. Hoje fui tentar pegar minha parcela do auxílio emergencial”, contou Karin, que criticou também o não uso das máscaras de proteção nas filas de banco.

“Estava em uma fila do cão e ainda tinha gente sem máscara. Isso é pra vocês terem uma ideia que não tá fácil para ninguém. Vi minha vida virar do avesso. Fui inventar de ser artista.”, finalizou, usando a hashtag #tenhoféquevaipassar.

A cantora, que lançou seu primeiro trabalho solo no início do ano, ainda interagiu com internautas questionando como estão lidando com a pandemia.”E pra vocês, como tem sido esse período?”, publicou.

Mostre mais
Fechar