FORA DOS HOLOFOTES: Padre Gilmar deixa Paraíba após repercussão de falso crime

A delegada-adjunta de Homicídios da capital, Emília Ferraz, confirmou que o padre José Gilmar deixou a Paraíba. A saída dele do estado ocorreu após o padre ter sido indiciado por falsa comunicação de crime ao mentir, segundo a Polícia Civil, sobre ter sido sequestrado em João Pessoa enviando uma mensagem de falso “socorro” onde na verdade foi vítima de extorsão.

O motivo da extorsão e ameaças ficarão sob sigilo e a investigação continua para saber quem estava pedindo R$ 50 mil ao padre. A delegada disse que o padre é natural de São Paulo, mas vai para outro estado. José Gilmar foi encontrado na Praia de Jacumã, no município de Conde, Litoral Sul paraibano, no dia 16 de outubro, após ficar 3 dias desaparecido.

Mostre mais
Fechar