FORTUNA FALSA: Mais de R$500 mil em notas ilegais eram enviados pelos Correios por quadrilha

Mais de R$ 500 mil em notas falsas foram apreendidos com a descoberta de uma casa usada exclusivamente para a impressão do dinheiro ilegal em Ituiutaba, no pontal do Triângulo Mineiro. As notas eram distribuídas para diversos Estados no país. Dois homens foram presos e uma adolescente foi apreendida na ação.
O flagrante foi possível por meio de uma investigação da Polícia Federal (PF), que alertou a Polícia Miliar (PM). Os militares flagraram um homem na agência dos Correios no Centro da cidade fazendo o despacho de notas falsas para os Estados de Sergipe, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e outros Municípios de Minas Gerais. Os envelopes foram apreendidos e mais buscas aconteceram em mais três pontos da cidade.
Além da casa do suspeito, os policiais foram até uma casa no Bairro Alvorada um laboratório usado para a fabricação das notas falsas, com computadores, impressoras, tintas e outros insumos químicos, colas, papeis especiais, verniz, computadores de última geração, máquinas laminadoras e estufas. Ao todo, em cédulas falsas de R$ 20, R$ 50, R$ 100 e até a nova nota de R$ 200, com o famoso lobo guará, os policiais encontraram R$ 503,7 mil. Uma moto também foi apreendida.
Nesse mesmo local estavam os demais detidos pela operação da PM. Ainda foi identificado mais um envolvido, que também estaria à frente da quadrilha e que residiria em Uberlândia. Ele agora é procurado.
Todo o valor e as três pessoas detidas serão levadas para a delegacia da Polícia Federal na cidade de Uberlândia, uma vez que se trata de um crime de competência federal.
Mostre mais
Fechar