Google fora do ar? YouTube, Google Drive e mais serviços sofrem instabilidades

O Google caiu e esteve fora do ar na manhã desta segunda-feira (14). De acordo com relatos na Internet, serviços como Google Drive e Gmail deslogaram os usuários e apresentam a mensagem “erro 503”. Segundo o Downdetector, que monitora o funcionamento de serviços na web, o problema começou por volta das 8h30 (horário de Brasília) e atingiu um pico de mais de seis mil reclamações. A falha atinge usuários no Brasil, mas a maioria dos relatos são nos Estados Unidos e em países da Europa. Segundo o quadro de status de serviços da empresa, o Google reconheceu a pane às 8h55, e ela afeta todos os produtos do Google, como o YouTube, Google Meet, Google Forms, Google Keep, Analytics e outros.

A companhia informou na página de status, às 9h31, que os serviços estão sendo estabilizados aos poucos, e às 9h52 deu a instabilidade como resolvida. Em nota, um porta-voz da empresa declarou que o erro atingiu o sistema de autenticação do Google e “Pedimos desculpas aos afetados e iremos conduzir uma revisão minuciosa para garantir que isso não ocorra novamente no futuro” (veja nota na íntegra ao final da matéria).

Usuários foram deslogados sem permissão dos serviços do Google pelo PC, como o Google Keep e o Google Drive. No caso de acesso por aplicativos para celular, o programa apresenta erros variados, como falta de conexão com a Internet, problemas para atualizar a página e o erro 500. Ao tentar logar na conta Google, dá o erro “não foi possível encontrar a sua conta Google”, como se a pessoa não fosse cadastrada no serviço.

A sincronização de contas Google no navegador da empresa, o Chrome, está indicada como “pausada” durante a instabilidade. O YouTube está fora do ar e dá mensagem “conecte-se à Internet” ou erro 503 ao abrir o aplicativo no celular, como se o usuário estivesse sem conexão. Contudo, o acesso ao site de vídeos funciona pela guia anônima do navegador.

O Gmail também está offline e acusa erro 502 ou 500. A mensagem exibida é que o sistema reconhece o erro no servidor, mas não dá mais informações. Segundo relatos da Internet, alguns usuários conseguem acessar a caixa de entrada, mas não conseguem efetuar o envio de e-mails ou receber mensagens.

O Google Drive não permite acessar os documentos no formato de Google Docs, Google Sheets ou Google Slides já armazenados no serviço, e mostra o aviso “não é possível atualizar”. Além disso, a plataforma alega que o usuário está offline ao tentar editar ou criar um novo documento, planilha ou apresentação.

Google Drive dá "não é possível atualizar" — Foto: Reprodução/TechTudo

Google Drive dá “não é possível atualizar” — Foto: Reprodução/TechTudo

A pane do Google traz dor de cabeça para os usuários, já que ferramentas da empresa, como a plataforma de chamadas de vídeo Google Meet e o Google Classroom (ou Google Sala de Aula), são populares no ensino à distância.

O Google reconheceu a instabilidade dos seguintes produtos da empresa:

  • Gmail
  • Google Agenda
  • Google Drive
  • Documentos do Google
  • Planilhas do Google
  • Apresentações Google
  • Google Sites
  • Grupos do Google
  • Hangouts clássico
  • Google Chat
  • Google Meet
  • Google Vault
  • Currents
  • Google Forms
  • Google Cloud Search
  • Google Keep
  • Google Tarefas
  • Google Voice
  • Admin Console
  • Google Analytics
  • App Maker
  • Google Maps
  • Blogger
  • Google Sync for Mobile
  • Google Sala de Aula

O que diz o Google?

Hoje, às 8h47 da manhã (horário de Brasília), o Google sofreu uma queda em seu sistema de autenticação, por aproximadamente 45 minutos, em razão de um problema de gestão interna da cota de armazenamento. Os serviços que requerem login de usuários apresentaram altas taxas de erro durante esse período. O erro de autenticação foi resolvido às 9h32. Todos os serviços estão restaurados. Pedimos desculpas aos afetados e iremos conduzir uma revisão minuciosa para garantir que isso não ocorra novamente no futuro.

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, aplicativos, eletrônicos e jogos? Inscreva-se no nosso canal do YouTube

Mostre mais
Fechar