Itamaraty confirma que brasileira estava dentre os mortos em atentado a igreja na França

Por meio de uma nota o Itamaraty confirmou na noite desta quinta-feira (29) que uma brasileira estava dentre os mortos do ataque à basílica de Notre Dame em Nice, na França. O ataque resultou em três vítimas fatais, a polícia francesa suspeita que o crime tenha sido cometido por um tunisiano.

“O governo brasileiro informa, com grande pesar, que uma das vítimas fatais era uma brasileira de 40 anos, mãe de três filhos, residente na França. O Presidente Jair Bolsonaro, em nome de toda a nação brasileira, apresenta suas profundas condolências aos familiares e amigos da cidadã assassinada em Nice, bem como aos das demais vítimas, e estende sua solidariedade ao povo e Governo franceses”.

“O governo brasileiro deplora e condena veementemente o atroz atentado” afirmou o órgão que anunciou que  por meio do Consulado-Geral em Paris, presta assistência à família da vítima.

No final da tarde, o presidente Jair Bolsonaro havia comentado o caso com apoiadores. “Ficamos sabendo de notícias tristes mundo afora, né? Decapitação de pessoas, pessoas não, cristãos na França. Me parece que uma brasileira foi esfaqueada. O mundo tem que se preocupar com isso”, disse.

Mais cedo, o prefeito de Nice disse que uma das vítimas do ataque havia sido decapitada — informação que, mais tarde, foi corrigida. De acordo com a polícia, a garganta dela foi cortada. O caso ocorre duas semanas depois que um professor foi degolado em Paris após usar caricaturas do profeta Maomé durante uma aula.

Leia a nota completa abaixo:

Ataque terrorista na França – Vítima brasileira

O Governo brasileiro deplora e condena veementemente o atroz atentado ocorrido hoje dentro da Basílica Notre-Dame de Nice, na França, onde um terrorista assassinou três pessoas.

O Governo brasileiro informa, com grande pesar, que uma das vítimas fatais era uma brasileira de 40 anos, mãe de três filhos, residente na França. O Presidente Jair Bolsonaro, em nome de toda a nação brasileira, apresenta suas profundas condolências aos familiares e amigos da cidadã assassinada em Nice, bem como aos das demais vítimas, e estende sua solidariedade ao povo e Governo franceses.

O Brasil expressa seu firme repúdio a toda e qualquer forma de terrorismo, independentemente de sua motivação, e reafirma seu compromisso de trabalhar no combate e erradicação desse flagelo, assim como em favor da liberdade de expressão e da liberdade religiosa em todo o mundo.

Neste momento, o Governo brasileiro manifesta em especial sua solidariedade aos cristãos e pessoas de outras confissões que sofrem perseguição e violência em razão de sua crença.

O Itamaraty, por meio do Consulado-Geral em Paris, presta assistência consular à família da cidadã brasileira vítima do ataque terrorista.

Mostre mais
Fechar