JUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS: Homem é assassinado e amarrado em poste por ser suspeito de estuprar mulheres

Um crime bárbaro foi descoberto na madrugada desta segunda-feira (11), na região Noroeste de Belo Horizonte, Minas Gerais. Um homem, de cerca de 35 anos, conhecido na região por Copasa, foi assassinado e teve o corpo incendiado no viaduto Senegal, na Lagoinha.

Conforme consta no boletim de ocorrência (BO) da Polícia Militar, a vítima foi achada sentada e amarrada com cordas e arames em um poste. Ele não portava documentos e apresentava lesões no crânio causadas, provavelmente, por facão e pauladas.

“Hábito de estuprar”

Moradores da região contaram à polícia que o homem tinha “o hábito de estuprar mulheres em situação de rua”.

Mais dois corpos foram encontrados a poucos metros, na Praça da Estação, no Centro. Ambos viviam na região e eram conhecidos dos comerciantes.

Guardas municipais e policias militares estiveram no local, porém, não souberam afirmar o motivo das mortes. Informaram, apenas, que elas não têm ligação.

A Polícia Civil está investigando os casos, mas, por enquanto, nenhum suspeito foi identificado.

Mostre mais
Fechar