Padre manda queimar altar onde foi flagrado fazendo sexo à três com atrizes pornôs

O padre Travis Clark, de 37 anos, disse que mandou queimar completamente o altar onde foi flagrado fazendo sexo a três com duas atrizes pornôs, em uma igreja em Nova Orleans, no estado de de Louisiana, nos Estados Unidos. A informação é do jornal Correio da Manhã.
O caso aconteceu no dia 30 de setembro, quando, segundo documentos judiciais apresentados pela polícia, um transeunte que passava pela rua estranhou as luzes acesas dentro da igreja e, por isso, resolveu verificar o que acontecia. Ao olhar através de janelas de vidro, ele se deparou com as cenas chocantes do religioso com as mulheres.
O homem resolveu gravar um vídeo com o seu celular. Nas imagens, o padre aparece nu com as duas mulheres identificamos como, Melissa Cheng, de 23 anos, e Mindy Dixon, de 41. Elas também foram autuadas na mesma acusação que Clark.
Ambas as mulheres usavam salto alto e espartilhos, com Clark empunhando brinquedos sexuais. Luzes do palco foram instaladas, assim como um celular e uma câmera, ambos montados em tripés. Todos os três estavam fazendo sexo juntos.
O homem resolveu ligar para a polícia e os três foram foram presos acusados de atos obscenos em local público e visível.
Mostre mais
Fechar