PATRÃO ‘GALÃ’: Ex-subsecretário é acusado de tratar servidoras como ‘namoradas’ e manda exonerar mulher que denunciou assédio

No início de setembro uma funcionária da Subsecretaria de Bem Estar Animal (Subem) foi exonerada sob a argumentação de que possuiria muitas faltas. “Cada hora eles falam uma coisa. Agora (ontem), eles falaram que foi porque eu tinha muitas faltas, mas eu nunca faltei. É só pegar a minha folha de ponto para ver que não tem nenhuma falta”, defendeu-se a ex-servidora.

A demissão da funcionária da subpasta aconteceu após três denúncias por assédio serem apresentadas contra o ex-subsecretário de Bem Estar Animal, Roberto de Paula. As denúncias foram feitas por parte de funcionárias da Subsecretaria.

Punição

“Parece que estou sendo punida pela segunda vez, porque já sofri durante todo esse tempo. E quando tive coragem para denunciar, acontece isso. Sempre passou pela minha cabeça que pudesse ser exonerada, mas, por mais que pense isso, você não acredita que possa acontecer. É muita injustiça”, afirmou a ex-funcionária indignada com a situação.

A ex-funcionária afirmou que o ex-subsecretário tinha o hábito de convidar funcionárias para encontros e caso fosse rejeitado punia as escolhidas. O ex-subsecretário foi exonerado pelo prefeito Marcelo Crivella após o surgimento das denúncias das servidoras.

Mostre mais
Fechar