Policial acusado pela morte de George Floyd voltou para casa após pagar fiança de US$ um milhão

O policial norte-americano Derek Chauvin ficou conhecido internacionalmente após tornar-se o principal acusado pela morte do afro-americano George Floyd conseguiu progressão da sua pena para a liberdade condicional nesta quarta-feira (07) após pagar uma fiança no valor de um milhão de dólares.

O julgamento de Chauvin e dos outros policiais que participaram da ação que se encerrou com a morte de Floyd deverá acontecer em março.

O caso

Em maio George Floyd morreu após Derek Chauvin ajoelhar sobre o seu pescoço, por quase nove minutos, visando rendê-lo. A morte do segurança negro fez com que movimentos surgissem em todos os EUA cobrando justiça para o caso, o fim do racismo e igualdade racial nos EUA.

Mostre mais
Fechar