PROUNI E FIES: MEC vai disponibilizar 140 mil vagas remanescentes

90 mil vagas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni) e 50 mil do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) estarão à disposição dos interessados em breve. A informação provém do ministro da Educação Milton Ribeiro.

O representante do MEC garantiu nesta sexta-feira (28) que o processo seletivo se iniciará no mês de setembro. Essa declaração ocorreu durante sua participação em videoconferência promovida pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES).

Dessa forma, todas aquelas vagas que acabaram não sendo preenchidas de forma regular pelos candidatos, serão oferecidas nessa nova etapa. Elas ficaram livres após desistências ou então falta de interesse, assim como de documentação, entre outros motivos.

Essa também foi uma terceira chance para os interessados em cursar uma faculdade ainda este ano. O programa, a saber, possui duas primeiras chamadas, validando as duas opções de curso escolhidas pelos candidatos.

Posteriormente ocorre a abertura para a lista de espera e, agora, conforme divulgado pelo ministro da Educação, abrem-se as vagas remanescentes.

Prouni e Fies para ingressar no ensino superior

O Prouni oferece bolsas de estudo em faculdades provadas, podendo ser integrais, quando o governo arca com 100% da mensalidade, ou parciais, quando o governo paga por 50% do valor mensal.

Podem concorrer às vagas no Prouni aqueles que prestaram o ENEM e apresentam notas compatíveis para os cursos almejados. Cada um, contudo, requer um desempenho, então varia de curso para curso.

Além da nota do ENEM, o Prouni exige comprovação de renda dos candidatos. Deve-se ter renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo, para concorrer 100% de bolsa. E renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa para conquistar uma bolsa de 50%.

Fies, diferente do Prouni, não concede gratuidade, mas sim financiamento da faculdade. Criado em 1999, facilita o acesso ao crédito para estudantes que desejam ajuda para pagar a faculdade enquanto estudam. Assim que se formam, devem arcar com as despesas, mas com juros bem baixos.

Mostre mais
Fechar