Receita Federal apreende 670 kg de cocaína em carga de goiabada

A droga estava em uma carga de goiabada, que seria exportada para Antuérpia, na Bélgica

Em uma ação concluída no final da tarde de ontem (segunda-feira, 4/1), equipes da Alfândega da Receita Federal em Santos localizaram 670 kg de cocaína na primeira apreensão de 2021 no Porto de Santos. A droga estava em uma carga de goiabada, que seria exportada para Antuérpia, na Bélgica.

A carga foi selecionada para conferência através de critérios objetivos de análise de risco, incluindo a inspeção não intrusiva por imagens de escâner.

Durante a inspeção, o cão de faro da Receita Federal sinalizou positivamente para a presença de drogas. Aberta a carga, foram localizados diversos tabletes de cocaína em seu interior, que totalizaram 670 kg.

A droga interceptada pela Alfândega da Receita Federal foi entregue à Polícia Federal, que acompanhou a operação a partir da localização da cocaína, e prosseguirá com as investigações a partir das informações fornecidas pela Receita Federal.

Em 2020, a Alfândega de Santos interceptou 20,5 toneladas de cocaína em cargas de exportação destinadas à Europa.

Mostre mais
Fechar