SEGURANÇA OU JAGUNÇO? Homem critica ‘escolta’ de candidata Alcione em Alagoinha e é brutalmente agredido no meio da rua

Um popular, José Justino,  conhecido como Zezinho do Alto do Cruzeiro, foi vítima de uma cena primitiva na cidade de Alagoinha. De acordo com o relato do mesmo, ele questionou a presença de seguranças ao lado de candidatos a prefeitura, em especial, os seguranças que cercavam a candidata Alcione Beltrão. O comentário foi feito em um grupo de Whatsapp, mas o questionamento teve uma reação brutal.

Nesta quarta (14) o cidadão voltava de uma padaria de moto, juntamente com sua esposa, quando um dos “seguranças” da candidata Alcione o interpelou. O motorista e segurança, conhecido como “Deda”, parou José Justino e chegou a perguntar se iria querer “um tapa ou um murro na cara”. A vítima chegou a tentar sair da situação, mas foi dominado e jogado por cima de uma cerca de arame farpado, juntamente com sua mulher. As imagens mostram a brutalidade resultante da ação, que não se agravou, pois Justino conseguiu fugir. Ainda de acordo com o relato, após derrubar o homem da moto, o segurança entrou em casa para buscar algo.

Justino disse que seu comentário foi um questionamento sobre o acesso da população aos seus representantes. Ele disse que caso Alcione ganhasse, teria um segurança que dificultaria o acesso a ela na porta do gabinete. Ainda acreditando que a candidata discorda da ação truculenta do seu motorista, o popular acredita que ela o dispensaria após a violência.

Mesmo com as evidentes marcas da agressão sofrida, Justino revela coragem e fé na democracia ao declarar seu voto na opositora de Alcione: “Eu voto em Maria de Zé Roberto, nem que seja de uma cadeira de roda”.

Um Boletim de Ocorrência foi feito na manhã dessa quinta (15).

 

Mostre mais
Fechar