Setor da Educação em Mamanguape já comemora os resultados positivos do IDEB

As intervenções estruturais não ficaram apenas na zona urbana e as intervenções também aconteceram nas escolas da zona rural

O município de Mamanguape respira novos ares na área da educação. o trabalho de reestruturação das escolas municipais, que foi iniciado ainda em 2017 para o início das aulas, não parou mais e atualmente um grande número dessas unidades já recebeu investimentos da Prefeitura.

A reestruturação das escolas chegou a todos os bairros do município, requalificando as escolas Carlos Fernandes e Mário Campelo no bairro do Areal, Jacinta Bezerra no Alto do Cemitério, Francisca Almeida, Ana Cavalcante e Miguel D’alia. Também foram requalificadas e receberam ampliamos de salas de aula escolas Padre Geraldo, Cônego José Paulo, Adailton Coelho Costa, Miguel Tomás.

No bairro do Planalto, a Escola Cléa Maria Bezerra Bezerra recebeu uma sala de informática e de música novinha para que os alunos pudessem desenvolver outras habilidades, ajudando no processo de aprendizagem. A prefeitura reconstruiu a praça em frente à escola e que por anos foi abandonada, servindo como espaço de convivência para alunos e moradores da localidade.

As intervenções estruturais não ficaram apenas na zona urbana e as intervenções também aconteceram nas escolas da zona rural, como nas unidades dos distritos de Mendonça, Alagoas e João Pereira. No distrito de Pitanga da Estrada, a Escola Emídio Rodrigues passou por reforma, assim como as escolas do distrito de Camaratuba e do Sítio Pau D’Arco.

Os serviços realizados nessas unidades de ensino foram de grande amplitude, contemplando não apenas a parte estrutural com as instalações elétrica e hidráulica, pintura e alvenaria, mas também a renovação de todo mobiliário das escolas. Foram adquiridos de novos móveis, equipamentos e mais de três mil novas carteiras, além de fardamento e material escolar completos distribuídos para oportunizar aos alunos da rede pública condições dignas de aprendizagem.

Os professores municipais não precisam mais reclamar nas rádios, participar de reuniões no sindicato ou pedir intervenção dos vereadores para receber o seu merecido aumento salarial. Nos últimos 4 anos o município implementou o piso nacional estabelecido pelo Ministério da Educação, pondo fim ao massacre de anos sofrido por essa importante categoria.

O município desenvolveu em conjunto com os profissionais de educação de Mamanguape um Plano de Ação que abrange os anos de 2019 a 2022, sendo voltado para a melhora dos índices de educação. Os resultados já estão sendo colhidos, como aconteceu na divulgação em setembro último do IDEB, Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, que mede o quanto a educação em um município melhorou ou piorou.

De forma inédita, o município de Mamanguape, esse número foi elevado muito acima do esperado, superando a meta estabelecida pelo Ministério da Educação e passando de 3,6 para 4,6, a maior média já obtida pelo município no Ensino Fundamental Um. O município também cresceu em relação ao Ensino Fundamental Dois, sendo outro importante conquista obtida com muito trabalho e investimento.

Mostre mais
Fechar