Uruguai vai vacinar adolescentes contra a covid-19

O presidente do Uruguai, Luis Lacalle Pou, anunciou na 3ª feira (1.jun.2021) que o país vacinará adolescentes contra a covid-19. A declaração se aplica a pessoas de 12 a 18 anos de idade.

O processo de imunização deste grupo será por agendamento. Em entrevista à emissora Canal 10, o presidente afirmou que até o final desta semana a programação será aberta para que jovens a partir de 12 anos possam ser vacinados.

Os adolescentes serão imunizados com a vacina produzida pelas farmacêuticas Pfizer e BioNTech.

Até 3ª feira, 52% da população uruguaia receberam ao menos uma dose dos imunizantes da Sinovac, Pfizer ou AstraZeneca. Desses, 29% completaram o esquema vacinal, ou seja, receberam as duas doses dos imunizantes.

A vacina desenvolvida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech tem eficácia de 100% contra a covid-19 em adolescentes de 12 a 15 anos de idade. O anúncio foi feito pelas farmacêuticas em março.

Os Estados Unidos, Canadá e Israel já vacinam adolescentes com o imunizante. No Brasil, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) tem até 12 de junho para decidir se ampliará o público da vacina da Pfizer contra a covid-19. Atualmente, a idade mínima é 16 anos. A farmacêutica pediu para incluir pessoas com pelo menos 12 anos no público-alvo.

Mostre mais
Fechar