‘VAMOS AFOGAR, QUEIMAR E ESTUPRAR O CADÁVER’: Vazam conversas de ator Johnny Depp sobre ‘planos’ para ex-esposa

Johnny Depp move ação contra o jornal britânico The Sun por ser chamado de “espancador de mulheres”. No julgamento, no entanto, é a reputação do ator que vem sido abalada com as provas apresentadas pela defesa da publicação. Dessa vez, ele teve que responder sobre mensagens de extremo mau gosto que trocou com Paul Bettany, o intérprete do Visão no Universo Cinematográfico da Marvel, e sobre novas acusações feitas pela sua ex-esposa Ambie Heard.

As informações são do jornal Daily Mail. Conversas obtidas pela advogada de defesa do The Sun, Sasha Wass, mostram Depp e Bettany fazendo piadas repugnantes sobre comprar um castor para Amber Heard, imaginado manchetes no noticiário como “Johnny Depp depila o castor de Amber Heard”, “Johnny Depp dá um soco no castor de Amber Heard” e “Johnny Depp cutuca o castor de Amber Heard”.

Ao ver as mensagens, Depp admitiu que as piadas foram de mau gosto. Wass, porém, foi mais longe e mostrou uma conversa em que Bettany fazia supostas piadas sobre matar Heard. “Não tenho certeza se devemos queimar Amber. Ela é uma companhia encantadora e agradável aos olhos. É claro que poderíamos fazer como os Ingleses e realizar um teste de afogamento (em referência a afogar mulheres para saberem se elas eram bruxas). O que acha? Você tem uma piscina”, diz o ator.

Depp endossa o amigo. “Vamos afogá-la antes de queimá-la!!! Vou fo*** seu cadáver queimado depois para ter certeza de que ela está morta”, respondeu na ocasião, dizendo que estupraria a própria esposa. “Era o que eu estava pensando. Mas vamos ter certeza antes de declarar ela como uma bruxa”, respondeu Bellamy.

O café da manhã de Depp

Em resposta, Depp alegou que só falou dessa maneira sobre a esposa porque ela não o deixava ficar sóbrio, usando drogas e bebendo na frente dele. Chamada a depôr no processo, Amber Heard apresentou uma prova do mau comportamento do ex-marido: uma foto (vista logo acima) do café do manhã do ator com uísque, vinho e quatro linhas de cocaína.

Na imagem, outros itens também compõem a mesa, como uma caixa de cigarros, a carteira de motorista de Depp, uma caixinha de metal com as iniciais do ator na qual as drogas seriam guardadas e um CD do músico Keith Richards. Outra foto disponibilizada por Heard mostra o ator caído no chão, após uma noitada.

Além disso, Heard fez novas acusações contra o ex-marido: disse que ele tentou matar o seu cãozinho yorkshire terrier Pistol em duas ocasiões: quando quis jogar o animal de um carro em movimento após uma noitada a base de cocaína e uísque; e quando o bichinho comeu a maconha do ator e ele ameaçou colocá-lo no forno de microondas.

Sobre as novas acusações de Heard, que afirma ter sido agredida por Depp (denúncia que serviu de base para a matéria do The Sun), o ator desconversou no tribunal. “Não, senhora, eu não acho que segurar um cachorro indefeso de 1,5 Kg pela janela de um carro em movimento seja um conceito pessoal de diversão”, disse, respondendo à advogada Sasha Wass.

Mostre mais
Fechar